Emprego bom, já!

Não é pelo Primeiro Ministro sugerir, é por alguém poder estar interessado em trabalhar fora do país.

As Nações Unidas (ONU) recebem até 10 de Setembro, através do site careers.un.org, candidaturas de portugueses até 32 anos, para um concurso internacional de preenchimento de 150 vagas nos departamentos de Informação Pública, Gestão e Assuntos Económicos e Sociais.  De acordo com Lynne Goldberg, do departamento de Recursos Humanos da ONU, Nova York. estes lugares destinam-se “de preferência para pessoas com habilitações de jornalismo e cursos de relações públicas, administração empresarial, estatística e  assuntos humanitários, ou relacionados”. Os pré-seleccionados irão realizar um exame, que terá lugar a 7 de Dezembro.

Anúncios

2 responses

  1. Emprego ou trabalho?
    Evidentemente. Quem não tem fortuna nem anda no gamanço, precisa.
    Lá fóra ou por cá tanto faz mas………..
    Logo ai começam os mas até as N.U. discriminam. Emprego só para gentes até os 32.
    Isto nem sequer deveria ser publicado como andam essas nações erigidas em defensoras, denunciadoras e outras coisas, contra países e/ou regimes “maus” por ditatoriais, discriminatórios, machistas, etc. e tal, e depois eles pedem pessoas para trabalhar mas só até aos 32 anos? E se tiverem 34? Não prestam? Estarão fora de validade e a ASAE multa?
    Eu já sabia que muitas organizações (ong´s, a mesma onu, e por ai) ao contrario daquilo que se grita oficialmente querem canudos marimbando-se para a experiência mas por limite de idade parece um pouco forte. Por assim dizer.

Deixe o seu comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s