Ano "Usado"

A pouco tempo de entrar no ano de 2012, adorei assistir ao sketch do programa da RTP1 “Herman José – Fim de Ano: Relatório de Contas”. Nele, o actor Nuno Marques fez uma excelente interpretação do Ministro das Finanças, Victor Gaspar. No discurso, o ministro anunciava o corte das 12 badaladas da Meia-Noite para 6… e só 3 para os funcionários públicos… E que o Ano Novo não seria Novo mas Usado, para ser mais económico. Sarcasmo à parte, é desta forma que entramos neste ano: com austeridade, cortes e muita necessidade de poupança.
No primeiro almoço do ano, para marido e pais, substitui o tradicional Peru Recheado, por um enorme frango do campo oferecido por familiares. Se tivesse comprado na véspera um peru, como reparei no preço dele num determinado supermercado, gastaria 25 euros. Para prato de entrada, o Farrapo Velho, que tratando-se de aproveitamento de comida da refeição anterior, vem mesmo a calhar nesta altura!
Bom Ano!
Anúncios

2 responses

  1. Olá Susana. No dia de Ano Novo comi polvo. Sobrou bastante. É possível aproveitar o bacalhau fazendo Farrapo Velho ou o perú fazendo empadão. Mas para o polvo tens alguma sugestão de reaproveitamento?Obrigado e beijinhos

    • Olá Miguel,
      Para o polvo existe um excelente aproveitamento. Fazes uma das “tapas” mais saborosas da Galiza: partes às rodelas fininhas, colocas num prato de madeira e temperas com azeite e pimentão picante ou colorau. Olé!

Deixe o seu comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s